PNP Gerês

Parque Nacional da Peneda-Gerês

Arquivo da categoria Menu

Raposa (Vulpes vulpes) – Mundo animal PNPGerês

Mundo animal PNPGerês

Nas últimas semanas temos partilhado momentos da vida selvagem do Parque Nacional.

O responsável por esses incríveis registos é o Fotógrafo de Natureza João Ferreira

Depois da partilha das Víboras do Parque Nacional Peneda Gerês e da Cabra montês (Capra pyrenaica) – João Ferreira – Fotógrafo de Natureza chegou a vez desta linda Raposa

Artigo relacionado -> Víboras do Parque Nacional Peneda Gerês

Artigo relacionado -> Cabra montês (Capra pyrenaica) – João Ferreira – Fotógrafo de Natureza

Fique atento(a) a sinais como penas, fezes, pegadas, pinhas roídas (pelos esquilos, p. ex.), marcas de pernoita ou solo revirado pelos javalis. Se vir uma ave a olhar para cima, isso poderá indicar a presença de uma ave de rapina em voo. Observe o céu, mas sem deixar de ver onde põe os pés.

Grupo PNPGerês – Acompanhe o PNPGerês no Facebook, no Instagram e no Twitter!

As Mariolas – O Gado e a Serra

As Mariolas – O Gado e a Serra

Por todo o PNPG existem centenas de Mariolas cuja principal função é orientar os pastores em tempo de nevoeiro na serra, assim como caminheiros que percorrem os trilhos existentes em todo o parque.

Falamos de uma sobreposição de pedras maioritariamente construídas por pastores mas que nos dias de hoje a sua manutenção é também realizada pelos próprios caminheiros.

Não construa Mariolas ao acaso pois dessa forma estão a prejudicar quem realmente precisa delas.

Basta ajudar na manutenção das existentes

Fotografia de Luís Borges

Cada visitante é responsável pelo lixo e detritos produzidos, deposite-os nos locais apropriados

Grupo PNPGerês – Acompanhe o PNPGerês no Facebook, no Instagram e no Twitter!

No Penedo Da Saudade a olhar para os Currais Das Negras

Não é preciso um olhar muito atento para se verificar que lá em baixo existem alguns currais

Muito menos para se ver o maravilhoso nascer do dia

Momento intelectual -> Fica em Área de Proteção Parcial de Tipo I

Artigo relacionado -> Curral das Negras – Vista desde o Penedo da Saudade

Artigo relacionado -> Penedo da Saudade – Minas dos Carris

Cada visitante é responsável pelo lixo e detritos produzidos, deposite-os nos locais apropriados

Grupo PNPGerês – Acompanhe o PNPGerês no Facebook, no Instagram e no Twitter!

Cabra-Montês – Capra Pyrenaica – Luís Borges

Cabra-Montês – Capra Pyrenaica

Como sempre aos Sábados deixamos aqui a Cabra-Montês

Depois de dezenas de anos extintas, nos dias de hoje são uma presença quase frequente nas nossas caminhadas pelo interior do Parque Nacional

Aqui fica mais uma fotografia do Luís Borges

Se quiser espreitar o artigo principal da Cabra-Montês basta clicar na fotografia

Artigo relacionado -> Víbora-cornuda ( Vipera latastei ) – A beleza do mundo animal!

Artigo relacionado -> Uma cobra! Uma linda cobra!

Mantenha-se a distância dos animais, não os alimente, observe-os com binóculos

Grupo PNPGerês – Acompanhe o PNPGerês no Facebook, no Instagram e no Twitter!

Momento intelectual – Sabia que?

Momento intelectual – Sabia que?

Sabia que estas ruínas ficam em Área de Proteção Parcial de Tipo I, e que estas compreendem os espaços que contêm valores naturais significativos e de grande sensibilidade ecológica, nomeadamente valores florísticos, faunísticos, geomorfológicos e paisagísticos.

Alem disso as áreas de protecção parcial de tipo I correspondem a áreas de elevada proximidade a um estado de evolução natural e pouco alteradas pela intervenção humana e englobam bosques de carvalho, bosques ripícolas, teixiais, azerais, turfeiras, complexos geomorfológicos de relevante importância e matos.

Nestas áreas de protecção parcial de tipo I, a actividade humana é permitida em varias situações e uma delas é: Para obras de demolição de edifícios ou construções

No entanto esta situação está sujeita a autorização do ICNB, I. P

Cada visitante é responsável pelo lixo e detritos produzidos, deposite-os nos locais apropriados

Grupo PNPGerês – Acompanhe o PNPGerês no Facebook, no Instagram e no Twitter!

O Gado e a Serra – As Mariolas

O Gado e a Serra – As Mariolas

Por todo o PNPG existem centenas de Mariolas cuja principal função é orientar os pastores em tempo de nevoeiro na serra, assim como caminheiros que percorrem os trilhos existentes em todo o parque.
Falamos de uma sobreposição de pedras maioritariamente construídas por pastores mas que nos dias de hoje a sua manutenção é também realizada pelos próprios caminheiros.

Não construa Mariolas ao acaso pois dessa forma estão a prejudicar quem realmente precisa delas.

Basta ajudar na manutenção das existentes

Fotografia de Luís Borges

Cada visitante é responsável pelo lixo e detritos produzidos, deposite-os nos locais apropriados

Grupo PNPGerês – Acompanhe o PNPGerês no Facebook, no Instagram e no Twitter!

Cabra montês (Capra pyrenaica) – João Ferreira – Fotógrafo de Natureza

Cabra montês (Capra pyrenaica)

A cabra montês (Capra pyrenaica) é um dos animais mais icónicos do Parque nacional, apesar de actualmente haver uma boa população, nem sempre foi assim.

Na verdade, este nobre habitante das serras esteve ausente várias décadas, extinto no início do sec. XX por perseguição humana directa acredita-se.

Voltou por acções de repovoamento promovidas na Galiza, por volta dos anos 90, apesar disso, a (Capra pyrenaica lusitanica) perdeu-se para sempre, a subespécie reintroduzida pelos espanhóis é a (Capra pyrenaica victoriae)  com algumas diferenças morfológicas da “nossa”.

É uma presa natural do lobo ibérico, bem como da águia real (cabritos), alimenta-se sobretudo de vegetação rasteira reduzindo assim as áreas de mato denso.

Por ser um animal diurno, é também fácil de observar, desloca-se frequentemente em rebanhos cuja composição e número variam consoante a época do ano, fora da época de acasalamento, os machos adultos e subadultos formam rebanhos separados, na época de acasalamento os rebanhos tendem a ser maiores e integrados por animais de todas as idades e géneros. 

Texto e fotografias de João Ferreira Fotógrafo de Natureza

Artigo relacionado -> Víboras do Parque Nacional Peneda Gerês

Fique atento(a) a sinais como penas, fezes, pegadas, pinhas roídas (pelos esquilos, p. ex.), marcas de pernoita ou solo revirado pelos javalis. Se vir uma ave a olhar para cima, isso poderá indicar a presença de uma ave de rapina em voo. Observe o céu, mas sem deixar de ver onde põe os pés.

Grupo PNPGerês – Acompanhe o PNPGerês no Facebook, no Instagram e no Twitter!

A Fecha do Fragão – #SóPodiaSerSoajo

Soajo – Paraiso Natural – PNPGerês

“Uma das quedas de água mais bonitas da Serra de Soajo, é também um dos pontos de paragem obrigatória para quem faz o Trilho “Caminho do Pão e da Fé”…”

É no Outono e no Inverno que Soajo consegue encantar ainda mais os visitantes

Fotografias de Alexandre Casanova

Artigo relacionado -> A beleza da Serra de Soajo – Mais uma vez…

Artigo relacionado -> Cada vez mais bonito – Poço Negro de Soajo

Cada visitante é responsável pelo lixo e detritos produzidos, deposite-os nos locais apropriados

Tome precauções especiais quando caminha em zonas húmidas e rochosas, para evitar quedas, e não pratique atos que possam colocar em risco a sua segurança e a dos outros. Não saia dos percursos/trilhos e caminhos existentes

Grupo PNPGerês – Acompanhe o PNPGerês no Facebook, no Instagram e no Twitter!

Albufeira da Paradela – MM ( Montanhas Magníficas )- Pitões Das Júnias

MM ( Montanhas Magníficas )

Esta zona da Serra do Gerês é simplesmente incrível

Esta fotografia foi tirada numa altura em que a barragem da Paradela estava em obras e por isso mesmo a albufeira estava quase vazia

Artigo relacionado -> A capela – Na terra das MM ( Montanhas Magníficas )

Evite fazer os trilhos sozinho(a), especialmente em zonas calcárias (onde há cavidades) ou em áreas de montanha. Cuide de si! Antes de iniciar qualquer percurso, mesmo simples, avise alguém conhecido ou alguma entidade acerca do local da sua partida e do seu regresso. Assim, em caso de emergência, saberão onde socorrê-lo(a).

Grupo PNPGerês – Acompanhe o PNPGerês no Facebook, no Instagram e no Twitter!

Fotografias de PNPGerês

Víboras do Parque Nacional Peneda Gerês

Víboras do Parque Nacional Peneda Gerês

Em Portugal existem dois integrantes da família Viperidae, a víbora cornuda e a víbora de seoaneApesar de vulgarmente assim serem apelidadas, estes seres não são cobras, são serpentes, cobras são as da família Colubridae.

O PNPG alberga as duas espécies, felizmente, boas populações, como a víbora de seoane está restrita à área do parque e pouco mais, esta zona do país é a única onde coexistem.

A cornuda em áreas mais secas e rochosas, a seoane em áreas mais húmidas e arborizadas, podem coexistir a escassas centenas ou dezenas de metros… Mas muito dificilmente se cruzam.

Eu é que procuro cruzar o caminho delas sempre que possível, apesar da má fama, são animais pacíficos e calmos, que evitam o contacto com qualquer ser de grande porte (humanos incluídos). 

Texto e fotografias de João Ferreira Fotógrafo de Natureza

InstagramFacebook

Vibora cornuda (Vipera latastei) cantábrica e corno pequeno

Vibora de seoane (Vipera seoanei) cantábrica

Vibora de seoane (Vipera seoanei) melanica ou preta

Mantenha-se a distância dos animais, não os alimente, observe-os com binóculos

Grupo PNPGerês – Acompanhe o PNPGerês no Facebook, no Instagram e no Twitter!