15AH, San Francisco

California, United States.

Send Your Mail At:

info@elitesupport.com

Working Hours

Mon-Sat: 9.30am To 7.00pm

A Geira Romana

Bracara Avgvsta (actual Braga) a Astvrica Avgvsta (actual Astorga)

Uma interessante partilha feita por um dos membros do grupo PNPGerês

Texto e fotografias partilhadas por Antonio MBaptista

“A Geira Romana é o nome popular de um troço da Via XVIII do Itinerário de Antonino (um roteiro redigido no século III, provavelmente a partir de versões anteriores), no seu passo pela serra do Gerês. Ligava Bracara Avgvsta (actual Braga) a Astvrica Avgvsta (actual Astorga) num percurso de CCXV milhas (c. de 318 quilómetros). Também era conhecida como VIA NOVA, sendo construída no último quartel do século I d.C., sob a dinastia dos Flávios (Vespasiano, Tito e Domiciano).

Para além do seu traçado regular, em território de montanha, ser uma obra prima da engenharia militar romana, nela se concentrava a maior colecção de miliários (marcos sinalizadores das milhas) de todo o império, um aspecto ainda hoje intrigante. A milha 0 estava em Bracara, assinalada hoje simbolicamente por um miliário moderno frente ao Museu Pio XII, no Largo de Santiago. O actual território do PNPG guarda as abundantes evidências arqueológicas entre as milhas XXIX (na Volta do Gavião, frente à antiga aldeia de Vilarinho das Furnas, perto de uma antiga trincheira da Guerra Peninsular) e a XXXIV (na Portela do Homem).

Esta foto mostra uma perspectiva da milha XXIX, com um dos mais antigos miliários da Geira em primeiro plano, à esquerda. O facto de ter insculpido o nome de Caivs Calpetanvs Rancivs, que foi governador da Hispânia Citerior entre 78 e 81 d.C., permite atribuir-lhe esta cronologia, sendo portanto da abertura original da Geira. Este sítio foi escavado em 1992, num trabalho que ali realizei em colaboração com a Unidade de Arqueologia da Universidade do Minho, e os miliários, em número de 13 (entre inteiros e fragmentados) foram então reagrupados. E assim podem hoje ser observados.

A importância de todos estes vestígios justifica que esta via romana seja classificada como Património Mundial da Unesco, devendo esta ser uma das próximas propostas a apresentar por Portugal a esta organização internacional. (foto de 2019)”

Para ver a partilha original basta clicar na fotografia

Um troço menos conhecido da Geira Romana na Mata de Albergaria (vale do rio Homem)

Atividades na Natureza

Caso ocorra algum acidente ou imprevisto contacte o serviço de emergência 112. Seja o mais claro e preciso que puder nas indicações sobre o local onde se encontra e sobre o que se está a passar. Caso não seja possível o contacto telefónico, mantenha a calma, coloque eventuais vítimas em segurança e protegidas do frio ou do sol e procure ajuda

PNP Gerês

Tome precauções especiais quando caminha em zonas húmidas e rochosas, para evitar quedas, e não pratique atos que possam colocar em risco a sua segurança e a dos outros. Não saia dos percursos/trilhos e caminhos existentes

%d bloggers like this: